Ferramentas SEO

Um trabalho de SEO é um trabalho complexo, que envolve elementos internos e externos do seu site. Criamos este guia de ferramentas SEO grátis para facilitar o trabalho de pessoas interessadas em otimizar seus sites. Avaliamos funcionalidade, limitações das versões gratuitas e principalmente simplicidade de uso. Podemos classificar as ferramentas SEO em 3 categorias:

  • Ferramentas online - Vários sites oferecem serviços como, por exemplo, pesquisa de palavras-chave, análise de on-page SEO e backlinks. Várias delas executam os requests ao Google em seus servidores, eliminando o risco de que a sua rede seja temporariamente bloqueada pelo Google, caso este identifique um número muito grande de buscas num curto espaço de tempo;
  • Plugins de Navegadores - O Firefox, o Chrome e o Internet Explorer (um pouco de sarcasmo para tornar este tutorial mais leve) possuem plugins que são bons aliados dos webmasters no dia a dia;
  • Ferramentas standalone - Instaladas em seu computador, fazem análise de posicionamento e simulam robôs, como alguns exemplos de funcionalidades oferecidas.

Abaixo você encontra as ferramentas SEO gratuitas que avaliamos e recomendamos para o seu dia a dia. Muitas delas são utilizadas em nosso trabalho regular de SEO para clientes. 

Além das ferramentas gratuitas, existe um grande número de ferramentas pagas, que não serão abordadas neste tópico do tutorial. Podemos destacar nessa categoria as ferramentas SEOmoz e a versão paga do SEMRUSH.


Ferramenta de visualização de cache Google

Ferramenta de visualização de cache Google

Nossa escolhida: "cache:"

Background: Essa é uma ferramenta gratuita de SEO do próprio Google que permite que você visualize se uma página está ou não indexada em seus servidores. 

Isso pode ser útil para entendermos, por exemplo, por que às vezes o Google nos direciona para uma página onde a palavra-chave buscada não é encontrada. Podemos mapear se a causa é uma versão desatualizada do cache ou uma prática black-hat.

A ferramenta "cache:" é muito simples de ser utilizada. Para aprender a visualizar o cache, acesse nossa página sobre o cache do Google.


Ferramenta de análise de Meta Tags

Nossa escolhida: SEOQuake e Screaming Frog

Background: As Meta Tags são as informações geralmente exibidas nos resultados de busca do Google. São visualizadas examinando-se o código-fonte da página ou através de ferramentas específicas.

A ferramenta SEOQuake permite-nos rapidamente visualizar a informação desejada. Ela é uma extensão que gera um diagnóstica com as Meta Tags. Veja abaixo:

ferramenta seo quake

O Screaming Frog também mostra as Meta Tags de todas as URL's, basta inserir a URL do site na ferramenta. Veja como as Meta Tags são listadas:

screaming frog ferramenta

Ferramenta de análise de Heading Tags H1, H2, H3

Nossa escolhida: mais uma vez, SEOQuake

Background: As Heading Tags, com destaque para H1 e H2, foram criadas para destacar títulos e subtítulos no código HTML de uma página. Títulos são, por princípio, o tema de uma página, e são por isso considerados com um importante elemento de posicionamento no Google. As Heading Tags são visualizadas examinando-se o código-fonte da página ou através de ferramentas específicas.

O SEOQuake, mostra na página analisada onde estão cada uma das Heading Tags. Veja mais detalhes do funcionamento e da importância das heading tags para SEO na nossa página do Tutorial sobre Heading Tags.


Background: A construção de links para um site, conhecida como link building, e consequentemente a análise dos links para nosso site e de nossos concorrentes, é parte fundamental de um trabalho de SEO. As ferramentas mais eficientes têm seus próprios robôs para mapear os links encontrados nas páginas da internet, simulando os robôs como o Googlebot. Desenvolver, armazenar e processar este tipo de informação não é barato, e por isso a maior parte das boas ferramentas de análise de links são pagas.

Nossa escolhida: Google Search Console

O Google Search Console mostra de forma clara a maior parte dos links apontando para suas páginas, sejam links internos ou externos. Esse é, na verdade, a sua principal desvantagem, pois é possível visualizar apenas os backlinks apontados para sites autenticados pela ferramenta. Não é possível fazer através dela a análise de links para concorrentes.

No entanto, o Moz - outra importante ferramenta para SEO - possui algumas funcionalidades gratuitas, e permite que você analise tanto os backlinks do seu site (internos ou externos) quanto os dos seus principais concorrentes. Vale a pena investir!


Nossa escolhida: SEMrush

Background: Uma eficiente estratégia de link building é mapear os links apontando para os sites dos concorrentes do site que você pretende otimizar.

O SEMrush, uma ferramenta online, oferece temporariamente na fase beta a sua ferramenta de backlinks gratuitamente. A ferramenta mostra a URL de origem e destino do link, texto contido no link (anchor text), se o link é follow e nofollow e é, por enquanto, a nossa ferramenta escolhida para análise de links apontados para os sites de concorrentes. Ao entrar na ferramenta, digite o nome do domínio a ser analisado e escolha a opção BR - Brasil. Entre na opção Backlinks e veja como os resultados são exibidos:

análise de links no SEMRush

Ferramenta de tempo de carregamento de página

Nossa escolhida: Page Speed Insights, do Google

Background: O tempo de carregamento de uma página afeta diretamente a experiência do usuário, e por isso é um dos fatores avaliados pelo Google ao rankear o seu site.

A Ferramenta PageSpeed Insights oferece, de forma detalhada, sugestões de melhorias de código para diminuir o tempo de carregamento de página. Digite a URL a ser acelerada na tela inicial do PageSpeed Insights e realize as alterações sugeridas, começando pelas críticas.

Procure aumentar o seu score de otimização para acima de 90. Note que, no exemplo abaixo, a página do Google Chrome atingiu o score de 80 no mobile e 97 do desktop.

pagespeed google desktop
pagespeed google mobile

Ferramenta de rastreamento de erros 404 e redirects

Nossa escolhida: Screaming Frog

Background: Erros 404 indicam que o robô não conseguiu encontrar a página pesquisada. Uma página que o Google não encontra, depois de um certo tempo, é removida do índice do Google. 

Redirecionamentos indicam que o robô foi redirecionado a outra página. Uma página redirecionada para uma página incorreta pode significar a perda de posicionamento para aquela página. 

Assim, ter uma visão das páginas com erro e redirecionadas de seu site é parte importante de seu trabalho de otimização, principalmente quando este trabalho envolve a migração do site ou a troca massiva de URLs.

Robôs são ferramentas que, a partir de uma página, leem o conteúdo de um site e seguem os links, mapeando assim todas as páginas crawleáveis (nem tente procurar esse termo num dicionário) de um site. 

O Screaming Frog SEO Spider é uma ferramenta completa e importante aliada para detectar essas páginas e realizar uma auditoria técnica no seu site considerando os principais fatores de SEO. Gratuitamente, é possível rastrear até 500 URLs, além das demais funcionalidades.

Alternativa

O Google Search Console mostra as páginas que o Googlebot não encontrou em seu site. Dessa forma, exibe também páginas inexistentes em seu site sendo apontadas por outros sites.


Browsers de texto

Nossa escolhida: BrowSEO

Background: Os sites de busca armazenam texto. É importante podermos analisar exatamente qual e quanto texto o Googlebot conseguiu ler em nossas páginas. Para isso, podemos examinar a versão em texto do cache do Google ou usar ferramentas específicas.

O BrowSEO é muito mais do que um Browser de texto. Mostra-nos as heading Tags, textos alternativos das imagens, quantidade de palavras-chave na página, meta tags, redirects e heading tags.


Ferramenta para gerar Sitemap.xml

Nossa escolhida: XML Sitemaps

Background: Para acelerar a indexação de páginas, vídeos e imagens, podemos enviar aos sites de busca arquivos XML com a estrutura de nosso site.

A ferramenta XML Sitemaps permite facilmente gerar um sitemap.xml para ajudar o Google e os demais sites de busca a compreender melhor a estrutura de seu site, aumentando a quantidade de páginas indexadas, e com isso aumentando o tráfego orgânico do site. A versão online, gratuita, permite gerar sitemaps com até 500 páginas. Após gerar o arquivo, não se esqueça de submeter o sitemap ao Google.


Identificador do país de hospedagem do site

Nossa escolhida: Flagfox

Background: O país de hospedagem do servidor, assim como o domínio (ex.: .com.br), a língua do conteúdo e o país definido no Google Webmaster Tools, são elementos que ajudam ao Google a definir para quais países o conteúdo do site deva ser melhor rankeado no Google.

A ferramenta Flagfox informa, graficamente na barra de endereço do Firefox, o país de hospedagem do site. Ao clicar na bandeira, exibe detalhes da hospedagem.


Ferramenta para visualizar links com nofollow

Nossa escolhida: NoFollow

Background: Links no-follow, por via de regra, não são computados pelo Google em seu algoritmo de PageRank. Ao fazer o trabalho de pesquisa de links, saber rapidamente se os links de uma página terão algum efeito ou não em nosso trabalho de SEO pode economizar-nos valiosos minutos.

A extensão NoFollow permite visualizar facilmente quais links de uma página estão com a tagnofollow. Os links com nofollow aparecem destacados num quadrado alaranjado com bordas tracejadas.


Nossa escolhida: SEO Quake

Background: A autoridade de uma página é passada às páginas de destino dos links. Porém, é dividida entre cada um dos links apontados para outras páginas. Isso significa que quanto mais links vindos de um único site, menos autoridade ele terá. 

Nestes casos, contar com um link em domínio único pode ser mais relevante para a autoridade do seu site, do que possuir uma infinidade de links em apenas um domínio, por exemplo. 

O Plugin para Chrome e Firefox SEO Quake mostra um conjunto de dados relevantes para o seu trabalho de SEO, incluindo o total de link internos (apontados para páginas no mesmo site) ou externos (apontados para fora do site). Entre parênteses, quando houver, será exibida a quantidade de links nofollow.

Alternativa

Embora seja paga, a ferramenta Ahrefs é uma excelente aliada para análise dos backlinks internos e externos do seu site. Com uma infinidade de funções ela possibilita que o usuário inclusive verifique os backlinks dos concorrentes para encontrar melhores oportunidades para o seu Link Building. 


Ferramenta de densidade de palavras-chave

Nossa escolhida: SEO Quake

Background: A quantidade de vezes que uma palavra-chave é repetida em uma página é um indício para o Google de que ela é importante no contexto da página. Algumas ferramentas fazem a contagem dessas palavras-chave, agrupadas por número de palavras.

O Plugin para Chrome e Firefox SEO Quake mostra rapidamente a ocorrência de repetições de palavras-chave em uma página. Com o plugin habilitado, após carregar a página, clique na opção Info ou Page Info do menu do SEO Quake e navegue até o fim da página. Você poderá examinar quantas vezes cada palavra-chave foi trabalhada no conteúdo da página. Veja por exemplo a ocorrência de palavras-chave compostas de 4 palavras na página do Google Chrome:

densidade de palavra-chave

Ferramenta de checagem de redirecionamentos de uma página

Nossa escolhida: BrowSEO

Background: Redirecionamentos indicam que o servidor redirecionou a URL checada para outra página. Uma página redirecionada para uma página incorreta pode significar a perda de posicionamento para aquela página. Assim, ter uma visão das páginas redirecionadas de seu site é parte importante de seu trabalho de otimização, principalmente quando este trabalho envolve a migração do site ou a troca massiva de URLs.

A vantagem do BrowSEO em relação a outros Redirect Checkers é o fato de apontar visualmente os diversos redirecionamentos, caso a página possua mais de um:

Redirect Checker - Browseo

Ferramenta de pesquisa de palavras-chave

Nossa escolhida: Google Ads Keyword Planner

Background: Um trabalho eficiente de SEO começa com a escolha correta das palavras-chave que queremos aparecer bem posicionados. É importante termos uma palavra-chave trabalhada por página, e palavras-chave complementares para cada página, aumentando a possibilidade de aparecermos para buscas long tail.

A ferramenta de pesquisa de planejamento de palavras-chave do Google substituiu a antiga ferramenta de palavras-chave, conhecida da maioria da comunidade SEO. A nova ferramenta exige que o usuário tenha uma conta Ads. Considerando que é possível criar uma conta Ads sem realizar um pagamento inicial, a ferramenta continua caindo em nossa categoria de ferramentas gratuitas. Veja como ela exibe resultados de volumes de busca para a palavra CARRO:

keyword planner
  1. Digite a palavra-chave para a qual queremos o volume da busca e variações
  2. Defina o país. língua e redes de busca para a qual quer saber o volume de busca.
  3. Palavra-chave buscada
  4. Volume de buscas médias mensais, segundo os filtros estabelecidos no item 2, para a palavra-chave buscada
  5. Variações e resultados de busca dessas variações
Volume de pesquisas - carro
  1. Digite a palavra-chave para a qual queremos o volume da busca e variações
  2. Defina o país. língua e redes de busca para a qual quer saber o volume de busca.
  3. Palavra-chave buscada
  4. Volume de buscas médias mensais, segundo os filtros estabelecidos no item 2, para a palavra-chave buscada
  5. Variações e resultados de busca dessas variações

Ao contrário da antiga ferramenta de palavras-chave, que permitia escolher o tipo de correspondência de palavra-chave, no AdWords Keyword Planner o volume de buscas é exibido para a correspondência exata, que de qualquer forma já era a correspondência que recomendávamos.


Ferramenta de viagem no tempo existe?

Nossa escolhida: Wayback Machine

Background: Quer saber por que o seu site rankeava bem (ou mal) alguns anos atrás? Quer recuperar um conteúdo que sumiu na última migração de site? Saber como o seu site, ou de seus concorrentes, estava programado no passado pode ajudar a definir os próximos passos de otimização SEO.

Wayback Machine armazena algumas cópias de páginas de sites e permite escolher a data que queremos analisar. Uma grande vantagem para SEO é que a página escolhida exibe os meta tags da página naquele período, visualizando-se o código fonte da página. Olhem só como era a página do Terra no início do milênio....

Como era o site do Terra em 2000
A SEO Marketing oferece um leque de serviços digitais para aumentar lucrativamente a presença de sua empresa na internet
Serviços
conheça nossos serviços
Logo Seo Marketing
Rua São Benedito, 1127 Santo Amaro
São Paulo - Sp - Brasil
envelopesmartphonechevron-down