Técnicas para redação de conteúdo eficiente

Foi-se o tempo em que os conteúdos para SEO eram feitos apenas considerando o uso do máximo de palavras-chave possível. Com a constante evolução dos algoritmos, os mecanismos de busca estão cada vez mais priorizando bons conteúdos que atendam às expectativas dos usuários. 

Para que isso seja possível, existem elementos técnicos e redatoriais a serem considerados ao se escrever conteúdo para sites, caso a sua preocupação seja ter o texto exibido nos resultados do Google.

Neste tópico do tutorial, focaremos nos aspectos técnicos. Os aspectos redatoriais, que dizem respeito à qualidade do conteúdo, tema escolhido, técnicas para atrair links, texto escaneável e muito mais você pode encontrar aqui no tutorial SEO.

Palavra-chave e suas variações

Como já sabemos, o Google interpreta texto. Não consegue (ainda) interpretar uma imagem para saber do que se trata.

Logo, ao redigir conteúdo para um site, é importante que a palavra-chave trabalhada na página seja entendida pelo Google como a mais relevante daquela página.

Uma das formas de se conseguir isso é trabalhando a densidade da palavra-chave no texto da página.

Mas, como fazer isso? Além de repetir a palavra-chave no texto por pelo menos umas 3 vezes, você também precisa focar no trabalho dos sinônimos.

Ou seja, se a sua palavra-chave principal vai ser "marketing digital" em algum lugar do seu texto, você também vai poder trabalhar com "marketing online" ou "marketing web".

Para decidir isso, você precisa entender quem é o seu público-alvo e como ele realiza pesquisas no Google, de modo a atingir suas expectativas com o seu conteúdo.

Assim, você concede relevância ao seu texto e trabalha com todas as variáveis possíveis.

Com isso, você ganha qualidade e, também, atende a um dos quesitos mais importantes em todo esse processo: A experiência do usuário. 

Neste sentido, o planejador de palavras-chave do Google é um dos melhores aliados na busca para encontrar a palavra ideal para o seu conteúdo. 

Através dele, é possível identificar o volume de pesquisa para as keywords escolhidas, bem como a concorrência para o termo e outras variáveis relacionadas que podem ser úteis na construção do texto.

pesquisa de palavra-chave

Negritos e itálicos

O Google procura exibir em seus resultados as páginas mais relevantes às palavras-chave buscadas.

Uma das formas de o Google identificar a relevância de uma página é a ocorrência de negritos e, até certo ponto, itálicos.

Como esses textos aparecem em destaque na página, são um forte indício de que o assunto da página está relacionado ao seu conteúdo.

Procure colocar ao menos 1 vez em negrito a palavra-chave trabalhada na página, com o uso do comando <strong>, que é um elemento HTML capaz de dar uma forte importância para a palavra destacada. .

Cuidado para não forçar muito a quantidade de negritos e itálicos. O resultado pode ser o contrário a um bom resultado e seu texto pode ficar conhecido como "campo minado"

Variações da palavra-chave

Um bom conteúdo não deve ser repetitivo, e repetir uma palavra-chave diversas vezes pode deixar o seu texto forçado demais e em alguns casos, "feio de ler".

Procure utilizar sinônimos, variações, palavra-chave complementares em seu texto.

Por exemplo, em um artigo sobre carros, alterne a palavra-chave carro com auto, automóvel, veículo e derivados.

Além disso, lembre-se de que a qualidade do conteúdo é fundamental para não só atrair o usuário, mas também mantê-lo na sua página.

A Gramática é essencial para um bom texto SEO

Pense que o conteúdo que você publicar, seja em páginas institucionais ou no blog, vai ser a imagem da sua marca.

O seu público-alvo vai consumir o que você publicar e nessa leitura ele precisa confiar no que você diz.

Para confiar com exatidão e até fazê-lo tomar uma decisão de compra é imprescindível que a gramática do seu site esteja impecável.

Erros de português, concordância e em alguns casos até mesmo de digitação acarretam em falta de confiança e credibilidade.

Ou seja, o usuário não vai comprar de um site que não se preocupa em escrever bem a sua comunicação.

Então, assim como a otimização para texto SEO, o seu conteúdo precisa estar bem escrito, passando a mensagem de forma clara e concisa.

Conteúdo bem escrito significa: Ausência de erros gramaticais, iscas de atenção, otimização SEO e Storytelling. Conte uma história que atraia e envolva.

Quantidade de palavras por página

Essa é uma dúvida bem recorrente para quem trabalha com produção de texto para SEO. Alguns profissionais da área dizem que você tem e deve fazer textos com mais de 3.000 palavras, já outros afirmam que de 200 a 300 palavras é o suficiente.

A resposta correta é: Depende do seu negócio e do seu objetivo com o texto.

Em uma página institucional, escrever conteúdo com 3.000 palavras pode ficar cansativo e não informativo. Agora se você tiver um blog e quiser escrever um artigo completo, as 2 ou 3.000 palavras pode ser uma boa opção.

Se pouco conteúdo fizer sentido para as pessoas, eventualmente o Google também conseguirá interpretar a qualidade de seu conteúdo.

Da mesma forma, se muito conteúdo fizer sentido porque o tema precisa de uma explicação mais robusta, a mesma regra se aplica.

Faça uma busca no Google e veja a quantidade de palavras usadas na construção dos conteúdos correspondentes aos primeiros resultados para a palavra-chave que você quer aparecer e tenha uma ideia da quantidade de palavras para incluir em seu texto.

Como escrever bem artigos para blog, otimizados para SEO

Veja bem, o Google adapta as suas prioridades de acordo com a mudança de comportamento do usuário.

Ou seja, se o modo de busca mudar, o Google também vai aperfeiçoar o seu processo de ranqueamento para que as páginas mais adequadas à busca sejam as primeiras a aparecer, certo?

Pensando nisso, o blog torna-se uma importante ferramenta de comunicação, para a empresa que quer ter um contato mais próximo e informativo com seu possível cliente.

Vamos dar algumas dicas importantes para você revolucionar, a partir de agora, a sua escrita.

Escreva pensando na leitura mobile

Exatamente isso. Atualmente 67% dos brasileiros, ou seja, 102,7 milhões de pessoas têm acesso a internet.

Destes, 49% acessam a internet via celular e esse número só tende a crescer. Ou seja. O seu texto precisa e deve ser otimizado para isso.

Como fazer isso? Além dos subtítulos que vamos falar mais à frente, é importante que o seu parágrafo tenha, até 2 linhas no desktop. Isso porque ao adaptar a página no mobile as 2 linhas vão parecer 4.

Se o usuário achar que o texto é longo e cansativo ele não vai consumir e vai abandonar a página.

Use frases curtas

"Se eu disser a você que SEO é uma ciência inexata e que você pode se tornar um profissional reconhecido se aceitar se dedicar ao estudo das técnicas, bem como as boas práticas do Google, sem usar black hat, certamente você terá sucesso na sua carreira..."

Viu só que cansativo?

As frases curtas ajudam o usuário a raciocinar melhor. Com isso, você vai ter mais pausas, mas o entendimento do conteúdo  e consequentemente será mais assertivo.

Pense que o usuário está fazendo muitas coisas simultâneas e o tempo para leitura é curto. Se o texto for cansativo e sem frases sucintas ele vai abandonar a página.

E definitivamente, não é isso que queremos.

Pareidolia é um ótimo gatilho

O nosso cérebro funciona por meio de padrões, certo?

Vamos a essa imagem:

imagem de um cachorro ao lado de um pedaço de madeira que lembra o rosto do cachorro

O que você consegue ver? Um cachorro na madeira? Exatamente isso que é pareidolia.

Agora, como aplicamos isso ao nosso texto SEO? Por meio de padrões! A nossa mente está acostumada a detectar padrões, até onde eles não existem.

Para usar esses padrões, devemos empregar a repetição de palavras ou um conjunto de palavras ao longo de um trecho do texto.

Veja um exemplo:

Você sabe que é um SEO porque entende muito bem os processos de rankeamento do Google.

Você sabe que é um SEO porque concede ao conteúdo o devido valor que ele tem.

Você sabe que é um SEO porque entender que o Link Building é um fator importante para estar bem posicionado.

Note que da maneira como está, a repetição há uma regra na velocidade da leitura.

E que tal um exemplo com palavras:

Agora é a hora de guinar a sua carreira. Agora é o momento de alcançar seus objetivos. Agora, chegou a vez da sua vitória!

Para que o processo de pareidolia funcione, não repita mais do que 3 vezes a sentença ou a palavra, combinado?

Se fizer mais que isso, o cérebro computa como cansativo e redundante e para de prestar atenção.

Torne seu artigo escaneável

Cada vez mais o usuário lê menos. E se pensarmos no processo de leitura mobile, o texto precisa ser escaneável.

Mas, o que é um texto escaneável?

É um artigo que utiliza algumas técnicas interessantes como:

  • Listas ou bullet points
  • Subtítulos. Utilize as heading tags para hierarquizar as suas informações
  • Dê foco aos pontos principais com negritos e itálicos
  • Quebre o conteúdo com imagens ou vídeos
  • Use números ao invés de escrever números. ex: 3, 5... e não: três, cinco...

Saiba quem é o seu público-alvo

Esse é um dos principais pontos. Já pensou se o seu público-alvo é mais popular e você sai escrevendo com palavras robustas?

Certamente, você não atrairá sua persona à leitura.

Por isso, é importante você saber com quem está falando, como está falando e o que está falando.

O seu público-alvo vai ditar as regras e o tom de voz do seu conteúdo. Portanto, antes de compor qualquer texto para SEO, pense na personificação do seu público.

Evite gerundismo

"Eu vou estar transferindo a sua ligação..."

Que chato isso, né? Assim como você ouve isso e dói nos seus ouvidos, imagina ler isso. É tão ruim, quanto.

Portanto, para ter um texto bem escrito é importante que você também pondere a ausência de gerundismo no seu artigo. Além do mais, gerundismo empobrece um texto.

Esqueça as redundâncias

Esse é outro ponto essencial. O que é ser redundante?

É quando você se torna repetitivo em seu processo de explicação. É o processo no qual se utiliza muitas palavras para dar uma explicação ou ideia.

Exemplo: Ele passou 4 horas seguidas programando um código que duraria 10 minutos.

Veja, se ele passou 4 horas, já foi "seguidas". Ou seja, não precisaria dessa palavra.

A redundância também está ligada ao pleonasmo. Um vício de linguagem que deve ser abolido tanto na língua falada como escrita.

  • Subir pra cima
  • Entrar pra dentro
  • Descer para baixo
  • há xx anos atrás

Conte histórias, sem ela você não impacta

Contar história ou storytelling é um dos pontos mais importantes para compor o seu texto. Lembre-se que não é uma ferramenta e sim um processo.

Sem estruturar o seu texto com começo, meio, fim e ápice não há o processo de captação da atenção do leitor.

Pense que você deve transmitir um conteúdo por meio de um roteiro bem definido com uma narrativa envolvente.

Exemplo:

Story: SEO

Telling: São as maneiras como você conta essa história e os diferentes pontos de abordagem.

SEO não funciona para mim. Tentei fazer, mas não deu certo - Dono de pequena empresa

O SEO é uma das estratégias de marketing digital mais importantes que uma empresa deve levar em consideração - Gerente da área de marketing

Eu faço SEO há 11 anos e todo dia me surpreendo. Acertei em cheio na escolha da minha profissão. - Profissional de SEO

Ou seja, o mesmo tema com diversas abordagens. Para montar um storytelling legal você precisa conhecer o seu público-alvo.

Quando souber quem ele é, vai conseguir montar a história adequada.

Use o poder de persuasão

Não esqueça!

Palavras com verbos imperativos incitam ao clique no CTA, certo?

Essas mesmas palavras usadas ao longo do texto também ajudam a persuadir o leitor à continuidade da leitura.

Use sempre:

  • Grátis
  • Agora
  • Aproveite
  • Não perca

Revise o seu conteúdo

Deu tudo certo, você usou todas as dicas para produção tanto no processo gramatical, quanto na coesão e na técnica.

Agora, chegou o momento de corrigir. Nem sempre quando a gente escreve, nos atentamos aos erros de digitação ou gramaticais que podem passar despercebidos.

Por isso, é importante pedirmos para que uma pessoa que não está envolvida com o artigo leia para opinar.

E não esqueça de ler. Leia muito. Quanto mais você ler, mais bagagem você terá para compor conteúdos ricos.

Cuidado com as penalidades

Um volume excessivo de uma palavra-chave em uma página pode sinalizar ao Google uma técnica Black Hat chamada "Keyword Stuffing". O Google pode em casos extremos penalizar o site ou, na maioria das vezes, simplesmente desconsiderar o conteúdo repetido.

Próximo tutorial
»
A SEO Marketing oferece um leque de serviços digitais para aumentar lucrativamente a presença de sua empresa na internet
Serviços
conheça nossos serviços
Logo Seo Marketing
Rua São Benedito, 1127 Santo Amaro
São Paulo - Sp - Brasil
envelopesmartphonechevron-down